Uma experiência educacional para o futuro

A melhor forma de construir o futuro é fazendo. Com essa proposta, a Cultura Maker chega à Rede de Ensino APOGEU com força total!

Inovação sempre foi palavra de ordem na instituição, precursora na implantação da disciplina Educação para o Consumo,há 11 anos, na implementação do Portal Eleva, por meio da Plataforma Adaptativa, na introdução do Laboratório Inteligência de Vida, que trabalha em prol do desenvolvimento das habilidades socioemocionais dos alunos, além de sera detentora de um dos currículos mais vastos na Educação Infantil.

Agora, o Cultura Maker desponta como outra importante novidade, em que o aluno será o explorador e construtor do seu próprio mundo. Em parceria com a empresa Nave à Vela, o trabalho será baseado em três frentes:

• Conteúdos significativos: fomentar conteúdos curriculares de forma exploratória,instigante e mais significativa.

• Competências ligadas à inovação: estimular os alunos às habilidades necessárias para construir e reinventar o mundo ao seu redor. Neste ponto, destacam-se as competências: Letramento Tecnológico, Resolução Criativa de Problemas e Realização de Projetos.

• Competências socioemocionais: por meio de processos colaborativos, gerar oportunidades para o desenvolvimento de competências socioemocionais, essenciais para enfrentar um mundo em constante mudança, como a Empatia, a Autonomia e a Colaboração.

 

O que é a Cultura Maker?

Através da Cultura Maker, o aprendizado é construído a partir da experimentação, da exploração de temas e da proposição de novos olhares para o mundo ao nosso redor. Ao lidar com conhecimentos adquiridos em sala de aula na criação de projetos, os alunos enxergam mais sentido no que estão estudando e desenvolvem novas competências.

No ambiente escolar, essa cultura só faz sentido se for usada como uma ferramenta de inovação pedagógica, com o objetivo de estimular um novo comportamento no educador e no aluno, que lidam juntos com os desafios do nosso tempo.

 

Currículo de Cultura de Inovação (CCI)

As atividades do CCI são integradas ao currículo pedagógico do APOGEU e à Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O objetivo é estimular o desenvolvimento das competências ligadas à inovação. São elas: empatia, colaboração e autonomia, perpassadas ainda pelos conceitos de Letramento Tecnológico, Resolução Criativa de Problemas e Realização de Projetos.

Na sala de aula, os alunos trabalham em grupos, em um processo totalmente horizontal,sendo orientados em pequenos projetos autorais voltados para criatividade e inventividade. Trata-se de um método alinhado às tecnologias atuais,desenvolvido a partir dos próprios celulares ou até mesmo tecnologias de fabricação digital, como impressoras 3D, máquinas de corte a laser, plotter de recorte etc. Ou seja, o trabalho parte de ferramentas simples, como martelo e chave de fenda, até aquelas mais avançadas.

 

No APOGEU, o Projeto Maker já está sendo implantado e promete surpreender os alunos a partir de 2020.

 

 

"APOGEU – DOS PRIMEIROS PASSOS AO PRÉ-VESTIBULAR"