Setembro Amarelo: a importância da valorização da saúde mental

As doenças psiquiátricas, como ansiedade e depressão, se tornaram mais frequentes, chamadas, inclusive, de “males do século”. Nos últimos anos, a saúde mental destacou-se como tema importante de debate nos mais diversos ambientes, como a sala de aula, escritórios, palestras, conversas informais e nas redes sociais. Nesse viés, foi criado a campanha Setembro Amarelo, mês dedicado à prevenção do suicídio.

 

O Setembro Amarelo e as doenças mentais

 

A Organização Mundial da Saúde (OMS) define o conceito de saúde como um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças ou enfermidades. A Saúde Mental abrange a integridade emocional, psicológica e social, tendo relação com os sentimentos, interações sociais, satisfação com a vida, entre outros aspectos que influenciam a maneira como pensamos, sentimos e agimos.

A campanha Setembro Amerelo é uma parceria da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) com o Conselho Federal de Medicina (CFM), realizada desde 2014 e tem por objetivo alertar sobre a prevenção ao suicídio. Além disso, o dia 10 deste mês é dedicado ao Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio. Segundo o Ministério da Saúde, são registrados cerca de 12 mil suicídios todos os anos no Brasil, números que reforçam a importância da valorização da saúde mental e a atenção aos sinais que marcam essa doença.

 

Acompanhamento psicológico nas escolas

 

A importância da saúde mental é um tópico que tem sido discutido cada vez mais longos últimos anos, e o contexto de pandemia colocou o assunto em uma evidência ainda maior. O novo coronavírus trouxe sentimentos como medo, preocupação, ansiedade elevada, enquanto os protocolos de distanciamento social fizeram crescer uma sensação de solidão. Todas essas vivências merecem ser reconhecidas e acolhidas para o benefício da saúde mental de todos.

Na Rede de Ensino APOGEU, contamos com o serviço de Psicologia Escolar, que, alinhado com  a área da educação, auxilia os alunos nos processos de aprendizagem e busca promover um ambiente escolar saudável para todos os envolvidos. O serviço de Psicologia Escolar, sendo uma equipe responsável por formas de prevenção e promoção da saúde mental dentro do contexto escolar, se insere através de processos de mediação e discussão na tentativa de propor caminhos, orientar percursos e provocar reflexões junto a toda a comunidade escolar.

 

O valor de cada um: Cartilha de Saúde Mental da Escola

"APOGEU – DOS PRIMEIROS PASSOS AO PRÉ-VESTIBULAR"